Umbilichaos EM (1).png

Uma parede sonora destruidora, uma sonoridade apocalíptica e experimental, aliada a um vocal brutal fazem da Umbilichaos um dos projetos mais interessantes dos últimos anos. Um projeto capitaneado pela competente Anna C Chaos, guitarrista, vocalista, programadora e compositora trans lésbica feminista.

Um projeto surpreendente e inovador!

 

video

Sobre

Projeto solo lento e esmagador, de São Paulo-Brasil, criado em 2007 pela artista Anna C Chaos. Compositora, poetisa, guitarrista, cantora, programadora sonora, mulher trans lésbica e feminista.

 

Como Umbilichaos, ela cria uma experiência sonora que abole estruturas convencionais em favor de um enquadre cinemático, evocando os mais diversos pensamentos e emoções. Inspirada por Joy Division, Cocteau Twins, Neurosis, Godflesh, Melvins, Earth, Swans, Death, Meshuggah, Joni Mitchell, Pink Floyd, Sonic Youth, Black Flag e Portishead.

 

Com 11 discos, entre outros lançamentos, constrói uma linguagem sonora épica e apocalíptica, intensa e experimental, em constante evolução.

 

Sua trajetória musical é marcada por turnês no Brasil e Europa, apoio a causas feministas e LGBT. Em 2019, lançou dois singles e seu décimo álbum, tocou no 14º Festival Sinfonia de Cães, no 6º Obscuro Fest, no encerramento da 17ª Caminhada de Mulheres Lésbicas e Bissexuais. Realizou uma tour pelo Sul do Brasil, e sua primeira turnê pela Europa, tocando em alguns marcos da música underground, como Kopi, Tommyhaus, ACU, e Poortgebouw. 

Em 2020, houve performances na Mostra de Arte Punk, Mulheres Livres Ato VI (celebrando o 8 de março). Novas apresentações, junto com uma segunda turnê europeia, foram canceladas devido à pandemia de Covid.

 

Nesse intervalo, foram lançados os singles Vast Horizon, Paths Pt 01, Via Crucis Pt 02 (2020 version), e o disco Filled by Empty Spaces. Além de uma apresentação gravada em quarentena, para a 18ª Caminhada de Mulheres Lésbicas e Bissexuais online.

 

Em 2021, novo lançamento com To Become Unreal, anúncio da regravação dos oito primeiros discos, começando com Entrails Redux ainda em novembro. No momento, tem sua música disponibilizada virtualmente pelo selo Sinewave.